2.5.16

A pavlova , uma das sobremesas mais espetaculares do mundo, foi inspirada no esvoaçante tutu da bailarina russa Ana Pavlova . Em apresentaç...

Prepare a deliciosa sobremesa inspirada na bailarina Ana Pavlova

Nenhum comentário:
 
A pavlova, uma das sobremesas mais espetaculares do mundo, foi inspirada no esvoaçante tutu da bailarina russa Ana Pavlova. Em apresentação com a sua companhia de dança pela Austrália, um chef local resolveu criar o doce em sua homenagem.

Trata-se de um disco espesso de suspiro, crocante por fora e macio por dentro, umedecido pelo creme de chantilly e coberto por frutas vermelhas, que contrastam com a sua doçura. Na boca, provoca um sedutor redemoinho de texturas e sabores e por isso é tida como a própria “sobremesa dos deuses”.

                      Pavlova (Foto: Goiabada de Marmelo)

                  Ana Pavlova - 'A Morte do Cisne' - 1905 (Foto: Reprodução)

PAVLOVA DE FRUTAS VERMELHAS 

Ingredientes:

4 claras
16 colheres (sopa) de açúcar de confeiteiro (04 colheres para cada clara)
1 colher (chá) de vinagre de vinho branco
4 colheres (chá) de amido de milho
1 colher (chá) de extrato de baunilha
300 ml de creme de leite fresco
2 colheres (sopa) de açúcar de confeiteiro
500 g de frutas vermelhas frescas, variadas (morangos, amoras, framboesas, mirtilos, ou outras)

Modo de Preparo:

Numa batedeira, bata as claras em neve até que fiquem bem firmes, adicione o açúcar, pouco a pouco, e bata por mais 4 minutos. Adicione o vinagre e o amido, batendo por mais 1 minuto.

Forre um tabuleiro com papel manteiga untado. Com a ajuda de um prato grande, desenhe um círculo no papel e sobre o círculo disponha a mistura de claras de modo a formar um disco alto com uma leve cavidade no centro (se desejar use o saco de confeiteiro em movimentos de espiral).

Leve a forno mínimo (no forno elétrico, 80°, por aproximadamente 2 horas; ou forno convencional, na menor temperatura possível e porta entreaberta). Desligue o forno e deixe a mistura de claras dentro. Retire apenas quando estiver bem fria. 

Passe a pavlova para o prato de servir. Bata o creme de leite com o açúcar e a baunilha até o ponto de chantilly e coloque-o sobre o suspiro. Decore a gosto, com geleia de frutas vermelhas e frutas vermelhas frescas, previamente lavadas e secas, e se quiser, peneire uma nuvem suave de açúcar de confeiteiro na hora de servir.

Dica: O suspiro pode ser feito algumas horas antes, mas a montagem da sobremesa deve ser feita na hora de servir, nunca de véspera.

Veja Vídeo: 


(Este vídeo está hospedado no youtube e poderá ser removido a qualquer momento)

Compartilhe a matéria nas redes sociais: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário